Tbilissi, Geórgia Capital Mundial do Livro para 2021

Suíça em junho passado.

Sob o slogan «Ok. Donc, votre prochain livre est... ? Ok. So your next book is…?», o programa articula-se a volta da utilização das tecnologias modernas com ferramentas poderosas para promover o interesse da leitura para os jovens.
O programa inclui inúmeras atividades sustentáveis e de grande envergadura. Prevê-se sobretudo a criação de bibliotecas e de um festival do livro para crianças, um projeto digital de ponta para transformar os livros em jogos e a reconstrução da primeira casa de edição georgiana.


O programa de atividades concentrara-se na inovação especialmente projetado para crianças. Jovens e leitores com acessos limitados aos livros. As festividades iniciarão em abril de 2021 por ocasião da Jornada Mundial do Livro e do Direito do Autor.


A cidade denominada “Capital Mundial do Livro” está comprometida em promover os livros e leitura implementando atividades ao longo do ano. Vigésima primeira cidade escolhida desde 2001, Tbilisi sucederá Kuala Lumpur (2020) e Sharjah (2019). Os laureados anteriores foram Madri (2001), Alexandria (2002), Nova Délhi (2003), Antuérpia (2004), Montreal (2005), Turim (2006), Bogotá (2007), Amsterdã (2008), Beirute (2009) , Liubliana (2010), Buenos Aires (2011), Yerevan (2012), Bangcoc (2013), Port Harcourt (2014), Incheon (2015), Wroclaw (2016), Conakry (2017) e Atenas (2018).


O Comitê Consultivo para a designação da Capital Mundial do Livro” é composto por representantes da União Internacional dos Editores (IPA-UIE), da Federação Internacional de Associações e Instituições de Bibliotecas (IFLA) e da UNESCO.

Para mais informações click aqui.

Comissão Nacional da UNESCO


Praia, Outubro de 2019

 

 

C&I

Comentar


Código de segurança
Atualizar