UNESCO organizou uma reunião on-line com o grupo ad hoc de ministros da educação

Índice do artigo

Enquanto no início do encerramento da escola o foco estava na implantação de soluções de ensino à distância, agora a ênfase está no apoio a professores e famílias. "Mais do que nunca, os alunos precisam de apoio tanto académico como emocional", disse Stefania Giannini, Directora-Geral Adjunta para a Educação da UNESCO. "Este é mais um alerta para os sistemas educacionais que precisam dedicar esforços especiais às habilidades socio emocionais - empatia e solidariedade", disse ela.

"Não podemos substituir a presença de professores e as relações pedagógicas, mas não temos outra escolha e devemos fazer o nosso melhor para apoiar os diretores das escolas, professores, pais e alunos, garantindo a sua segurança", disse a ministra italiana Lucia Azzolina. "Usamos ferramentas das redes sociais para manter viva e motivada a relação entre professores e alunos.

Entre outros exemplos, a Costa Rica está usando essas ferramentas para transmitir planos de leitura diária para alunos e pais, desafiando os alunos a projetar campanhas para conter a propagação da pandemia. O Ministro da Educação do Irã, Mohsen Haji Mirzaie, descreveu um "novo triângulo de aprendizagem ligando professores, pais e alunos" através de salas de aula virtuais apoiadas por redes sociais.

Comentar


Código de segurança
Atualizar